A ejaculação precoce tem cura?

A ejaculação precoce acontece quando o homem atinge o orgasmo logo nos primeiros segundos após a penetração ou antes de ter penetrado.

Esta disfunção sexual é mais comum em adolescentes, devido às alterações hormonais.

A ejaculação precoce pode ser controlada com o uso de algumas técnicas e exercícios confira no manual super dotado.

ejaculação precoce
ejaculação precoce

O urologista pode recomendar e orientar vários tipos de tratamento, que incluem:

Técnica da compressão

Nesta técnica o homem aprende a reconhecer as sensações que surgem antes da ejaculação e a controlá-las.

A grande vantagem desta técnica é que pode ser feita pelo próprio homem, não sendo necessária a ajuda da parceira ou parceiro.

Para isso, deve-se fazer estimulação do pênis, através de masturbação ou relação sexual, e, quando se sentir que se irá ejacular, deve-se parar e fazer pressão sobre a cabeça do pênis.

Técnica de dessensibilização

É uma técnica bastante simples, mas que pode não ter resultado com todos os homens usam libid gel, pois consiste em fazer masturbação 1 a 2 horas antes da relação sexual, o que diminui a sensibilidade para o orgasmo.

Além disso, caso o homem não utilize preservativo, por já ter uma relação duradoura, o urologista pode aconselhar o seu uso, já que normalmente diminui a sensibilidade do pênis, permitindo controlar o orgasmo.

Uso de anestésicos tópicos

Algumas pomadas ou sprays que contêm uma substância anestésica, como lidocaína ou benzocaína, podem ser usados para diminuir a sensibilidade do pênis e aumentar a duração do ato sexual, sem que ocorra a ejaculação.

Este tipo de produtos deve ser indicado pelo médico e precisam ser aplicados cerca de 10 a 15 minutos antes da relação.

Além destes produtos, existem ainda preservativos que contém o anestésico no seu interior e que também podem ser usados. Alguns exemplos são:

Ejaculação precoce tem cura?

A cura da ejaculação precoce pode ser alcançada utilizando técnicas simples de autocontrole, mas quando isto não é suficiente pode-se tentar diminuir a sensibilidade do órgão sexual masculino ou tomar medicamentos receitados pelo médico.

Como funciona a Dieta da Sopa?

A dieta da sopa sugere a substituição de duas refeições (almoço e jantar) por sopas caseiras ou prontas durante uma semana.

Existem diversas variações da Dieta da Sopa,as mais conhecidas são a do Hospital do Coração e a Dieta da Sopa de Repolho.Na dieta os legumes e verduras devem ser picados em pedaços maiores para assim promover a mastigação.Leguminosas como feijão, grão de bico, lentilha e ervilha, não devem ser adicionados a preparação, assim como arroz e massas, até mesmo o tradicional pão de acompanhamento não deve ser consumido.

dieta da sopa
dieta da sopa

Vantagens da Dieta da Sopa

A dieta promove uma perda rápida de peso, contudo essa perda não representa uma perda de gordura somente, mas também de água e músculos.

Desvantagens da Dieta da Sopa

A dieta da sopa é muito pobre em calorias, ficando muito abaixo das necessidades energéticas de um individuo adulto e assim representando uma grande restrição energética.

No período em que a dieta é realizada seus seguidores podem apresentar fraqueza, tonturas, dores de cabeça, cansaço, mau humor e indisposição.

A restrição de leguminosas pode comprometer o fornecimento de aminoácidos e proteínas ao corpo, bem com comprometer a adequada ingestão de ferro, nutriente essencial para o transporte de oxigênio, encontrado no feijão.

Como fazer uma dieta detox para emagrecer

​​A dieta detox slim ajuda a emagrecer, desintoxicar o organismo e diminuir a retenção de líquidos.

Ela é importante principalmente após períodos festivos como o fim do ano e o carnaval.

O principal foco do dermacaps é aumentar o consumo de alimentos orgânicos e pobres em gordura, e evitar os produtos industrializados, que são ricos em sal, gordura e aditivos químicos.

O que não comer durante a diata detox

O alimentos proibidos na dieta detox são:

  • Bebidas alcoólicas;
  • Açúcar, doces, bolos e sobremesas;
  • Carnes processadas, como salsicha, linguiça, bacon, presunto e salame;
  • Café e bebidas com cafeína, como chá verde e chá preto;
  • Produtos industrializados.
  • Leite de vaca e derivados;
  • Alimentos ricos em glúten, como pão, macarrão, bolo e massas.

É importante lembrar que deve-se uma alimentação saudável e equilibrada após a dieta de 21 dias, com refeições ricas em frutas, legumes e cereais integrais e pobre açúcar e gordura, pois ela atua desintoxicando o organismo de forma contínua.